Ads 468x60px

domingo, 5 de junho de 2011

Era tão simples se eu fosse capaz de te ignorar. Mas não. Eu tenho sempre de te defender quando fazes asneiras, se em vez de eu te dar atenção te desse desprezo, a minha vira seria mais fácil. Não mereces o tempo que perco contigo, retiro tudo o que disse há uns dias sobre ti. Não és boa pessoa, e chega de tentar convencer-me do contrario, escuso de dar voltas a cabeça à espera de encontrar um motivo que me prove que não és assim tão mau como os outros julgam. A próxima vez que te derem um estalo ou se meterem contigo, não me venhas dizer, porque eu não te vou ajudar. Já és crescidinho para resolveres os teus próprios problemas. Um dia vais acordar, iras perceber que estás sozinho e que perdeste e não me peças para te dar a mão, eu vou-te deixar cair e vais-te sentir tão no fundo sem vontade para subir. (...)
A minha amizade e o meu carinho por ti acabaram!

2 Sentimentos:

A Menina da Rua Himmel disse...

Adorei o texto.

VocÊ poderá gostar de http://ameninadaruahimmel.blogspot.com/2011/06/querido-hoje-te-escrevo-essa-carta-para.html

Eu sempre perco tempo com algumas pessoas que não me vêem com a mesma importância, mas no fim acabo caindo na real.


- Paz e Bem.

NANA disse...

Pensei que só me acontecia a mim, afinal não...
Realmente existem pessoas que não valem a pena,mas infelizmente somos amigos deles, e falo de amigos verdadeiros, e apesar dos defeitos gostamos deles e queremos o bem deles,por isso mesmo somos passados para trás, mas quando eles caem voltam a vir ter connosco...
E apesar de dizermos que não no início acabamos por ceder, porque isto é a amizade...